fbpx

Funcionalidades do ERP

Conheça o sistema de gestão empresarial ERP com tudo que sua empresa precisa para crescer.

Frente
de Loja

Gestão
de Varejo

Gestão
de Atacado

Controle
de Indústria

Gestão e Locação de Equipamentos

CRM
.

Gestão
de Frotas

Ponto
Eletrônico/Digital

Gestão
de Pessoal

Postos
de Combustíveis

Orçamento
de Projetos

Gestão
Escolar

Bares
e Restaurantes

Postos
de Vigilância

Clínicas
e Hospitais

Gestão
Financeira

Gestão
Contábil

Gestão
Fiscal

Gestão
de Imobiliárias

Ativo
Imobiliário

Gestão
de Motéis

Frente de loja (balcão ou PDV)

A maior vantagem deste sistema é na substituição dos PDV’s ou POS’s como check-out, mantendo um custo menor e a possibilidade de utilização do mesmo equipamento no próprio gerenciamento. Além disso, outra vantagem, é a completa integração com a central (distribuidora ou franqueadora), transmitindo para a mesma toda a movimentação do dia e recebendo as atualizações.

  • Integrado com Escrita Fiscal para onde gera automaticamente as informações das notas fiscais de saída para os Livros Fiscais;
  • Integrado à Contabilidade através do Contas a Receber e Contas a Pagar, para onde gera a contabilização das notas fiscais de venda por “tipo de venda”;
  • Integrado ao Controle de Estoque onde faz a baixa automática dos produtos faturados;
  • Integrado com Contas a Receber para onde gera os títulos a receber, classificados por tipo de venda e por grupo de receita;
  • Emissão de notas fiscais de balcão;
  • Emissão de Cupom Fiscal;
  • TEF Discado, Dedicado ou via Internet;
  • Tabela de preços;
  • Emite vários relatórios de estatísticas de faturamento;
  • Controle de vendas por balconista;
  • Fechamento do caixa;
  • Utilização de códigos de barras;
  • Controle de convênios;
  • Controle de crediário;
  • Permite arredondamento do valor da venda;
  • Permite alteração do preço de venda do item com uso de senha;
  • Permite desconto em percentual por item, grupo de itens ou para determinada venda;
  • Permite desconto em valor para uma venda;
  • Controle de Cartões de Crédito e Vale Refeição;
  • Relatório de Fechamento do Caixa;
  • Relatório de Fechamento do Financeiro;
  • Aceita como identificador do item o seu código, o código do fabricante, parte do nome (abre zoom para localização), o código de barras referente ao seu código ou o código de barras referente ao código do fabricante. Permite a leitura de código de barras gerado por balanças;
  • Cálculo do troco;
  • Consulta dos saldos de estoque dos itens;
  • Consulta da localização física dos itens no estoque;
  • Consulta a ficha do Cliente;
  • Integração com o sistema de Custos/Preço de Venda de onde recebe os preços de venda dos produtos;
  • Permite a tratativa de Matriz e Filiais com geração de alterações de itens e novos preços para as Filiais e das movimentações das Filiais para a Matriz;
  • Possui uma rotina bastante completa de integração entre as Lojas e a Central;
  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar para onde gera os títulos a pagar referentes as taxas de cartões de crédito e outras.

Gestão Comercial

A maior vantagem deste sistema é a possibilidade de integração e controle das filiais, além de uma rotina de aprovação de crédito eficiente.
  • Uso de cadastro de “tipos de venda” para a utilização em campanhas (ao tipo de venda são ligados certos itens e utiliza uma certa tabela de preços e condições de comissionamento);
  • Integrado ao Contas a Receber para onde gera automaticamente os títulos a receber;
  • Integrado com Escritura Fiscal para onde gera automaticamente as informações das notas fiscais de saída para os Livros Fiscais;
  • Integrado a Contabilidade através da escrita Fiscal, para onde gera a contabilização das Notas Fiscais de saída;
  • Integrado ao Controle de Estoque onde faz baixas automáticas dos produtos faturados;
  • Cálculo das comissões devidas, no faturamento ou no pagamento dos títulos;
  • Multi-Tabela de Preços;
  • Transportadoras;
  • Representantes;
  • Emite diversos relatórios de estatísticas de faturamento;
  • Permite que sejam emitidas pré-notas (rascunho da nota fiscal);
  • Previsão de Vendas;
  • Integrado ao sistema de Custos/Preço de Venda de onde recebe o preço de venda dos produtos;
  • Controle de quantidade mínima para pedido;
  • Controle de quantidade mínima para faturamento;
  • Liberação parcial de pedidos;
  • Emissão de listas de preços;
  • Tabela de Condições de Pagamento praticadas;
  • Tabela de Códigos Fiscais;
  • Calendário de feriados para tratamento de títulos a serem gerados;
  • Cadastro de Textos Legais (que podem ser ligados de modo automático ao código fiscal utilizado);
  • Emissão de Fichas de Compensação;
  • Emissão de Duplicatas;
  • Consulta Posição dos Clientes;
  • Curva ABC de Faturamento por Cliente;
  • Curva ABC de Faturamento por Produto;
  • Emissão de Guia de Transporte;
  • Tabela de Descontos por Cliente/Condição de Pagamento;
  • Relatório de Comissões Devidas;
  • Tratativa de KIT de Venda, onde é informado um certo item (pai do Kit) e são baixados os itens que compõem o Kit (filhos);
  • Rotina de liberação rápida de pedidos, onde os itens que possuem saldo disponível podem ser liberados automaticamente;
  • Cadastro de Itens Substitutos, permitindo que na liberação rápida de pedidos, caso o item principal não possua saldo, seja informado um seu substituto que possua;
  • Emissão de prévia da nota fiscal para fins de separação de produtos ou para informar para uma unidade ainda não informatizada como a nota deve ser emitida;
  • Reserva de Produtos com administração de dias de reserva, possibilidade de alteração ou não da reserva, reserva automárica e baixa automática por limite de tempo.

O Sistema de Controle de Compras tem como principal característica, poder receber diretamente dos estoques as necessidades de reposição por ponte de encomenda e do planejamento pelo MRP. O sistema também fornece uma série de subsídios para facilitar o ato de comprar.

  • Integrado ao Recebimento de Materiais de onde recebe a baixa total ou parcial dos pedidos de compra colocados;
  • Integrado com Contas a Pagar para onde gera previsões de pagamento;
  • Integrado ao Planejamento de onde recebe as ordens de compra confirmadas;
  • Integrado ao Controle de Estoque a partir do qual recebe requisições para itens abaixo do ponto de encomenda;
  • Integrado à Dotação Orçamentaria do módulo financeiro, gerando relatório de previsto x realizado;
  • Integrado ao Fiscal/Contábil na geração dos arquivos exigidos pelas instituições fazendárias;
  • Gerenciamento de não conformidades no recebimento de materiais (negociação, materiais, transporte etc), com geração de relatórios estatísticos;
  • Gerenciamento de pendencias com fornecedores gerando relatórios estatísticos por material, por fornecedor, por fato gerador e status;
  • Pontuação de fornecedores permitindo suspensão geral ou suspensão de fornecimento por material;
  • Análise de Compras utilizando o método de previsão para séries temporais sujeitas a fenômenos sazonais combinada com o método de previsão com suavização exponencial de Holt;
  • Aprovação por limite de alçada por usuário através de assinatura eletrônica;
  • Emissão de Ficha de Cotação de Preços;
  • Emissão de Pedidos de Compra;
  • Cadastro de Compradores;
  • Manutenção de Representantes de Fornecedores;
  • Consulta “Onde se Compra?”;
  • Consulta “Quem vende o que?”;
  • Relatório de pedidos atendidos;
  • Relatório de pedidos em aberto;
  • Relatórios de requisições em aberto por comprador;
  • Relatórios de pedidos por comprador;
  • Permite descrição técnica detalhada dos itens, para compras;
  • Permite a manutenção dos “contratipos” e código de cada item para cada fornecedor;
  • Compras casadas com vendas.

A principal vantagem do Sistema de Controle de Estoques é a de normalmente, se usado corretamente, permitir uma redução substancial dos estoques, aplicando uma política de reposição por ponto de encomenda. Ao ser utilizado numa filial comercial, passa a utilizar outro tipo de política que permite que se tenha de tudo e somente o necessário.

  • Versão para Indústria e para Comércio;
  • Controle físico e financeiro (cálculo do custo médio contábil);
  • Controla N depósitos;
  • Integrado ao Planejamento de Produção e Compras;
  • Integrado ao Controle de Compras;
  • Integrado ao Faturamento;
  • Relatório estatístico dos estoques contendo:
    • Itens sem saída a mais de N dias;
    • Itens sem movimentação a mais de N dias;
    • Itens abaixo do Estoque Mínimo;
    • Itens abaixo do Ponto de Encomenda;
    • Itens Negativos;
    • Itens acima do Estoque Médio;
    • Itens acima do Estoque Máximo;
  • Análise de estoque utilizando o método de previsão para séries temporais sujeitas a fenômenos sazonais combinada com o método de previsão com suavização exponencial de Holt;
  • Controle dos itens em qualquer nível da estrutura (matéria-prima, semi-acabados e produtos acabados);
  • Controle de itens de demanda independente (materiais auxiliares, materiais de expediente, etc.);
  • Aprovação por alçada;
  • Cálculo automático do ponto de encomenda;
  • Controle de material nos Centros de Custo;
  • Considera ou não cada depósito para o cálculo do custo médio;
  • Controle dos materiais em poder de terceiros;
  • Controle de itens perecíveis;
  • Controle de estoques por lote;
  • Localização física dos itens;
  • Integrado ao sistema de Recebimento de Materiais de onde recebe as movimentações de entrada de mercadorias;
  • Integrado ao sistema de Contabilidade para onde gera os lançamentos relativos as movimentações;
  • Emissão de etiquetas de itens;
  • Rotina de Inventário;
  • Relatório Curva ABC de Consumo;
  • Relatório Rastreabilidade Produto Acabado/Matéria-Prima;
  • Relatório Rastreabilidade Matéria–Prima/Produto Acabado;
  • Livro Modelo 3 – Controle de Produção e Estoque;
  • Livro Modelo 8 – Registro de Inventário.

O Sistema de Recebimento de Materiais possui como principal vantagem o fato de tratar por completo, qualquer tipo de nota fiscal de entrada e fornecer um ganho muito grande de tempo, principalmente se a responsabilidade de sua operação recair sobre uma pessoa da Escrita Fiscal, eliminando já no recebimento os problemas fiscais e contábeis.

  • Tratamento de ICMS, IPI, Imp. Importação, Seguro, Frete, Despesas e Descontos;
  • Integração com Contas a Pagar para onde gera os títulos automaticamente;
  • Integração com Controle de Estoque para onde gera a movimentação de entrada dos itens;
  • Integração com Escrita Fiscal para onde gera as notas fiscais de entrada;
  • Integração com Custos para onde gera o preço da última compra;
  • Integração com Controle de Compras onde faz a baixa total ou parcial dos pedidos de compra colocados;
  • Integração com o Sistema de Contabilidade para onde gera os lançamentos contábeis relativos as notas fiscais de entrada;
  • Importação de NFe através da chave eletrônica diretamente da Sefaz;
  • Mantém o histórico das compras efetuadas para efeito de estatísticas;
  • Tratamento de digitação de Guias de Importação com posterior emissão das notas fiscais de entrada correspondentes;
  • Tratamento de digitação de Devoluções de Clientes com posterior emissão das Notas Fiscais de Devolução contra a própria empresa;
  • Permite a digitação de Conhecimento de Frete juntamente com a Nota Fiscal ou isoladamente;
  • Relatório de Notas Fiscais Recebidas;
  • Relatório Resumo de Notas Fiscais;
  • Relatório onde se Compra;
  • Relatório “Quem Vende o Que?”;
  • Informação no recebimento de uma devolução do “Motivo da Devolução” que influencia ou não nas comissões devidas e permite a geração de estatísticas;
  • Reservas automáticas para compras casadas com vendas;
  • Diligênciamento da compras por autorizações de fornecimento;
  • Recebimento parcial ou total de autorizações de fornecimento com relatórios de gestão dos processos.

Toda e qualquer verba prevista como despesa no orçamentos da empresa é destinada a fins específicos.

Qualquer tipo de pagamento que não tenha dotação específica só pode ser realizado se for criada uma verba nova ou dotação nova ou ainda, for aprovada por usuário com limite de alçada, para suprir a despesa.

  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar de onde verifica os lançamentos que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AF-Autorizações de Fornecimento de Materiais que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AFS-Autorizações de Fornecimento de Serviços que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Relatório Anual ou mensal por Grupos de Despesas;
  • Relatório de Orçado x Realizado por data de vencimento, data de emissão do documento ou data de pagamento, fornecedor entre outros.

Gestão de serviços e equipamentos

Este sistema te permite um total controle da ficha vida de manutenção e histórico de localização do controle das máquinas, veículos e equipamentos da empresa e dos seus clientes.

  • Integrado ao sistema de contabilidade;
  • Integrado ao sistema de controle patrimonial;
  • Integrado ao sistema de controle de OS, onde alimenta a ficha vida dos equipamentos e veículos;
  • Integrado ao estoque de materiais através dos componentes que cada tipo de equipamento possui;
  • Controle patrimonial através de código de barra;
  • Controle da propriedade dos equipamentos, da empresa e de terceiros;
  • Controle da situação dos equipamentos, se sob contrato, em manutenção, em sucata, livre para trabalho, emprestado, vendido ou extraviado;
  • Controle de vencimento de garantia e fornecimento;
  • Controle do consumo de combustível, gasolina, álcool, diesel, gás ou elétrica, gerando tabela de consumo diária e/ou no período;
  • Controle de manutenção corretiva, preventiva e preditiva por odômetro, por horímetro ou por data;
  • Controle de equipamentos por cliente;
  • Controle de componentes por tipo de equipamento;
  • Controle de checklist por equipamento, para utilizar no recebimento, devolução ou avaliação de equipamentos;
  • Possibilidade de controle de equipamentos próprios ou de terceiros;
  • Possibilidade de programar alertas na tela e/ou por envio de e-mails.

A maior vantagem deste sistema é a possibilidade de  controle das OS e Contratos, avaliando sua real rentabilidade aplicada a equipamentos, veículos e clientes.

  • Integrado ao sistema de contabilidade, gerando as provisões de créditos a receber e impostos, além dos custos através dos materiais aplicados;
  • Integrado ao contas a receber através do faturamento das OS e/ou Contratos;
  • Integrado ao módulo fiscal através da emissão de NF de produtos e/ou serviços;
  • Integrado ao controle de estoque através das requisições de materiais utilizadas nas OS;
  • Integrado ao sistema de controle de equipamentos e veículos, onde alimenta a ficha vida deles e seu custo direto através das OS;
  • Integrado ao sistema de compras através da análise de materiais consumidos na geração dos pedidos de compra e giro do estoque;
  • Módulo de orçamento, diligênciamento e faturamento de OS emitidas;
  • Controle e diligenciamento das OS por tipo, situação, prioridade e gravidade;
  • Controle e diligenciamento das OS por vendedor/técnico, período de abertura e/ou fechamento, cliente do serviço ou cliente de faturamento;
  • Controle da rentabilidade e/ou margem/markup das OS/Contratos com apuração dos materiais efetivamente aplicados e o planejado/faturado;
  • Controle da rentabilidade e/ou margem/markup das OS/Contratos com apuração das homem/horas efetivamente aplicados e o planejado/faturado;
  • Controle da rentabilidade e/ou margem/markup das OS/Contratos avaliados por vendedor/técnico, por equipamento, por veículo, por período de abertura/faturamento, por cliente de serviço ou cliente de faturamento, por centro de custo, por contrato;
  • Relatórios de comissão, produção, estatística de materiais aplicados e homem/horas apropriados;
  • Emissão de NFe de remessa e/ou retorno de equipamentos;
  • Possibilidade de contratos de locação de equipamentos, de prestação de serviços e/ou de locação de mão de obra;
  • Emissão automática de faturamento de contratos “pro rata dia” ou mensal;
  • Controle de equipamentos locados, devolvidos e não devolvidos.

O Sistema de Controle de Compras tem como principal característica, poder receber diretamente dos estoques as necessidades de reposição por ponte de encomenda e do planejamento pelo MRP. O sistema também fornece uma série de subsídios para facilitar o ato de comprar.

  • Integrado ao Recebimento de Materiais de onde recebe a baixa total ou parcial dos pedidos de compra colocados;
  • Integrado com Contas a Pagar para onde gera previsões de pagamento;
  • Integrado ao Planejamento de onde recebe as ordens de compra confirmadas;
  • Integrado ao Controle de Estoque a partir do qual recebe requisições para itens abaixo do ponto de encomenda;
  • Integrado à Dotação Orçamentaria do módulo financeiro, gerando relatório de previsto x realizado;
  • Integrado ao Fiscal/Contábil na geração dos arquivos exigidos pelas instituições fazendárias;
  • Gerenciamento de não conformidades no recebimento de materiais (negociação, materiais, transporte etc), com geração de relatórios estatísticos;
  • Gerenciamento de pendencias com fornecedores gerando relatórios estatísticos por material, por fornecedor, por fato gerador e status;
  • Pontuação de fornecedores permitindo suspensão geral ou suspensão de fornecimento por material;
  • Análise de Compras utilizando o método de previsão para séries temporais sujeitas a fenômenos sazonais combinada com o método de previsão com suavização exponencial de Holt;
  • Aprovação por limite de alçada por usuário através de assinatura eletrônica;
  • Emissão de Ficha de Cotação de Preços;
  • Emissão de Pedidos de Compra;
  • Cadastro de Compradores;
  • Manutenção de Representantes de Fornecedores;
  • Consulta “Onde se Compra?”;
  • Consulta “Quem vende o que?”;
  • Relatório de pedidos atendidos;
  • Relatório de pedidos em aberto;
  • Relatórios de requisições em aberto por comprador;
  • Relatórios de pedidos por comprador;
  • Permite descrição técnica detalhada dos itens, para compras;
  • Permite a manutenção dos “contratipos” e código de cada item para cada fornecedor;
  • Compras casadas com vendas.

A principal vantagem do Sistema de Controle de Estoques é a de normalmente, se usado corretamente, permitir uma redução substancial dos estoques, aplicando uma política de reposição por ponto de encomenda. Ao ser utilizado numa filial comercial, passa a utilizar outro tipo de política que permite que se tenha de tudo e somente o necessário.

  • Versão para Indústria e para Comércio;
  • Controle físico e financeiro (cálculo do custo médio contábil);
  • Controla N depósitos;
  • Integrado ao Planejamento de Produção e Compras;
  • Integrado ao Controle de Compras;
  • Integrado ao Faturamento;
  • Relatório estatístico dos estoques contendo:
    • Itens sem saída a mais de N dias;
    • Itens sem movimentação a mais de N dias;
    • Itens abaixo do Estoque Mínimo;
    • Itens abaixo do Ponto de Encomenda;
    • Itens Negativos;
    • Itens acima do Estoque Médio;
    • Itens acima do Estoque Máximo.

     

  • Controle dos itens em qualquer nível da estrutura (matéria-prima, semiacabados e produtos acabados);
  • Controle de itens de demanda independente (materiais auxiliares, materiais de expediente, etc.);
  • Análise de Estoque utilizando o método de previsão para séries temporais sujeitas a fenômenos sazonais combinada com o método de previsão com suavização exponencial de Holt;
  • Aprovação por alçada;
  • Cálculo automático do ponto de encomenda;
  • Controle de material nos Centros de Custo;
  • Considera ou não cada depósito para o cálculo do custo médio;
  • Controle dos materiais em poder de terceiros;
  • Controle de itens perecíveis;
  • Controle de estoques por lote;
  • Localização física dos itens;
  • Integrado ao sistema de Recebimento de Materiais de onde recebe as movimentações de entrada de mercadorias;
  • Integrado ao sistema de Contabilidade para onde gera os lançamentos relativos as movimentações;
  • Emissão de etiquetas de itens;
  • Rotina de Inventário;
  • Relatório Curva ABC de Consumo;
  • Relatório Rastreabilidade Produto Acabado/Matéria-Prima;
  • Relatório Rastreabilidade Matéria–Prima/Produto Acabado;
  • Livro Modelo 3 – Controle de Produção e Estoque;
  • Livro Modelo 8 – Registro de Inventário.

O Sistema de Recebimento de Materiais possui como principal vantagem o fato de tratar por completo, qualquer tipo de nota fiscal de entrada e fornecer um ganho muito grande de tempo, principalmente se a responsabilidade de sua operação recair sobre uma pessoa da Escrita Fiscal, eliminando já no recebimento os problemas fiscais e contábeis.

  • Tratamento de ICMS, IPI, Imp. Importação, Seguro, Frete, Despesas e Descontos;
  • Integração com Contas a Pagar para onde gera os títulos automaticamente;
  • Integração com Controle de Estoque para onde gera a movimentação de entrada dos itens;
  • Integração com Escrita Fiscal para onde gera as notas fiscais de entrada;
  • Integração com Custos para onde gera o preço da última compra;
  • Integração com Controle de Compras onde faz a baixa total ou parcial dos pedidos de compra colocados;
  • Integração com o Sistema de Contabilidade para onde gera os lançamentos contábeis relativos as notas fiscais de entrada;
  • Importação de NFe através da chave eletrônica diretamente da Sefaz;
  • Mantém o histórico das compras efetuadas para efeito de estatísticas;
  • Tratamento de digitação de Guias de Importação com posterior emissão das notas fiscais de entrada correspondentes;
  • Tratamento de digitação de Devoluções de Clientes com posterior emissão das Notas Fiscais de Devolução contra a própria empresa;
  • Permite a digitação de Conhecimento de Frete juntamente com a Nota Fiscal ou isoladamente;
  • Relatório de Notas Fiscais Recebidas;
  • Relatório Resumo de Notas Fiscais;
  • Relatório onde se Compra;
  • Relatório quem Vende o Que;
  • Informação no recebimento de uma devolução do “Motivo da Devolução” que influencia ou não nas comissões devidas e permite a geração de estatísticas;
  • Reservas automáticas para compras casadas com vendas;
  • Diligenciamento da compras por autorizações de fornecimento;
  • Recebimento parcial ou total de autorizações de fornecimento com relatórios de gestão dos processos.

Toda e qualquer verba prevista como despesa no orçamentos da empresa e destinada a fins específicos.

Qualquer tipo de pagamento que não tenha dotação específica só pode ser realizado se for criada uma verba nova ou dotação nova ou ainda, for aprovada por usuário com limite de alçada, para suprir a despesa.

  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar de onde verifica os lançamentos que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AF-Autorizações de Fornecimento de Materiais que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AFS-Autorizações de Fornecimento de Serviços que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Relatório Anual ou mensal por Grupos de Despesas;
  • Relatório de Orçado x Realizado por data de vencimento, data de emissão do documento ou data de pagamento, fornecedor entre outros.

PCPO – Planejamento/Controle de Produção Industrial

Decisões rápidas e corretas na área de produção industrial são fundamentais para uma empresa alcançar resultados. O módulo PCPO – Planejamento e controle da produção industrial permite que as empresas concentrem esforços nos assuntos mais importantes do processo fabril, pois gerencia de forma abrangente os processos produtivos, desde a concepção do produto até o controle do chão de fábrica.

  • Planejamento Estratégico Corporativo;
  • Previsão de Demanda – Série Histórica;
  • Gestão dos Volumes de Estoque – projeção e controle de volumes mínimo e máximo e de ponto de reposição com ações integradas e automatizadas;
  • Planejamento Estratégico Corporativo;
  • Diligenciamento de prazo de entrega dos pedidos de venda;
  • Gestão da quantidade de estoque, do ponto mínimo, máximo e de ressuprimento de matérias primas e produtos fabricados;
  • Planejamento de Compras;
  • Planejamento e Programação da Produção sincronizados e coerentes com os processos de compra e venda;
  • Planejamento e monitoramento da produção;
  • Controle de Qualidade e Certificação ISO;
  • Rastreabilidade de produtos, processos e matéria-prima;
  • Gerência de Custos – Custo padrão e Custo Real;
  • Rateio do Custo Indireto: ABC, Contabilidade de Custos Convencional e Variável;
  • Absorção do Custo pelo Produto Acabado na entrada para estoque: Custo Real ou Custo Padrão;
  • Formação do custo do subproduto;
  • Controle dos desperdícios ou perdas do processo produtivo;
  • Comparativo de todos os processos da manufatura: planejado x programado x realizado;
  • Automatismo de apontamentos no chão-de-fábrica através de leitor de código de barras;
  • Controla e mede a evolução da composição dos custos dos produtos fabricados.

Gestão Financeira

Melhor controle e análise dos dados financeiros, otimizando processos, aumentando a eficiência operacional.

As maiores vantagens do Sistema de Contas a Pagar são a emissão de cheque para pagamento de vários títulos, situação esta que deverá ceder lugar para a rotina de transmissão dos pagamentos, diretamente aos bancos (equivalente a Cobrança Escritural), e a resposta rápida a situações referentes aos títulos.

  • Integrado ao Sistema de Contabilidade para onde gera as baixas de títulos e opcionalmente as entradas de títulos quando não está integrado ao Sistema de Recebimento de Materiais;
  • Integrado ao Contas a Receber através do Fluxo de Caixa;
  • Integrado ao Sistema de Caixa / Bancos;
  • Integrado ao Recebimento de Materiais de onde recebe as atualizações de título a pagar automaticamente;
  • Integrado ao Controle de Compras, de onde recebe as atualizações de previsões de pagamento automaticamente;
  • Integrado com o Sistema de Faturamento de Balcão de onde recebe a geração de títulos referentes a taxas de cartões de crédito ou vales refeição;
  • Relatório de títulos a pagar por vencimento, fornecedor, portador e outros;
  • Aprovação por alçada através de assinatura eletrônica;
  • Cadastro de Portadores;
  • Grupos de Despesas;
  • Grupos de Fornecedores;
  • Cadastro de Países;
  • Considera os finais de semana e feriados para cálculo de vencimento real dos títulos;
  • Rotina de Baixa dos títulos de determinada data, com emissão de cheque ao fornecedor, ao portador ou a própria empresa;
  • Substituição de títulos (1 por N, N por 1 e N por N);
  • Emissão de cheques;
  • Emissão de Borderô de Pagamentos;
  • Relatórios podem ser emitidos em qualquer moeda;
  • Relatório Razão Auxiliar;
  • Emissão de etiquetas dos fornecedores;
  • Relatório Diário Auxiliar;
  • Consulta de títulos por fornecedor (em aberto, atrasos, pagos).

A maior vantagem do Sistema de Contas a Receber é a Cobrança Escritural e o recebimento automático de títulos originados nos Sistemas de Administração de Vendas.

  • Integrado ao Contas a Pagar através do Fluxo de Caixa;
  • Integrado ao Sistema de Caixa / Bancos;
  • Integrado ao Faturamento de onde recebe as atualizações de títulos a receber automaticamente;
  • Integrado ao Sistema de Contabilidade para onde gera os lançamentos correspondentes as baixas de títulos e descontos de títulos e opcionalmente as entradas de títulos (quando não está integrado ao Sistema de Faturamento);
  • Baixa parcial de títulos, com a manutenção de todo o histórico do título;
  • Revisão dos juros, considerando as baixas parciais já efetuadas, demonstrando o saldo a ser pago pelo Cliente;
  • Relatório de títulos a receber por vencimento, cliente, portador, representante, estado, entre outros;
  • Cobrança Escritural (Integração com Bancos – Geração de títulos para o banco e leitura da movimentação de baixas do banco), padronizando em uma codificação única, as várias instruções, diferentes para cada banco;
  • Grupos de Receitas;
  • Grupos de Clientes;
  • Cadastro de Países;
  • Considera os finais de semana e feriados para cálculo do vencimento real dos títulos;
  • Cadastro de Portadores;
  • Considera o float bancário para cálculo do vencimento real dos títulos;
  • Emissão de duplicatas;
  • Emissão de triplicatas;
  • Emissão de Fichas de Compensação (bloquetes);
  • Relatórios podem ser emitidos em qualquer moeda;
  • Relatório Razão Auxiliar;
  • Relatório Diário Auxiliar;
  • Emissão de etiquetas de Clientes;
  • Consulta de títulos por Cliente (em aberto, atrasados, pagos);
  • Geração de título com o mesmo valor e características para todos os Clientes não bloqueados.

Toda e qualquer verba prevista como despesa no orçamentos da empresa e destinada a fins específicos.

Qualquer tipo de pagamento que não tenha dotação específica só pode ser realizado se for criada uma verba nova ou dotação nova,  ou ainda, for aprovada por usuário com limite de alçada, para suprir a despesa. 

  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar de onde verifica os lançamentos que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AF-Autorizações de Fornecimento de Materiais que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AFS-Autorizações de Fornecimento de Serviços que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Relatório Anual ou mensal por Grupos de Despesas;
  • Relatório de Orçado x Realizado por data de vencimento, data de emissão do documento ou data de pagamento, fornecedor entre outros.

Respostas a todas as situações referentes aos títulos a pagar e a receber, com a consideração dos saldos das contas bancárias, é o grande objetivo deste sistema.

  • Integra o Contas a Pagar, Contas a Receber e Caixa / Bancos;
  • Relatório por Grupos de Receitas e Despesas;
  • Relatório por vencimento, cliente, fornecedor entre outros;
  • Consulta Fluxo de Caixa no vídeo;
  • Simulações em vídeo;
  • Aloca os títulos na data de vencimento real baseado em uma tabela de feriados e no float bancário;
  • Relatórios podem ser emitidos em qualquer moeda;
  • Relatórios de títulos de um intervalo de datas;
  • Consulta posição financeira;
  • Gráfico de participação de despesas;
  • Gráfico de Despesa X Receita de um certo grupo de receitas e despesas.

Além do controle das contas bancárias e do caixa, a grande vantagem deste sistema é a possibilidade de pagamentos rápidos e a completa contabilização das transações efetuadas.

  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar de onde recebe lançamentos por cheque utilizado no pagamento de títulos;
  • Integrado ao Sistema de Contas a Receber de onde recebe lançamentos pelo desconte de títulos e pelos títulos baixados;
  • Integrado ao Sistema de Contabilidade;
  • Controle dos saldos das contas bancárias e do caixa;
  • Transferência entre Contas;
  • Transações de/e para o banco/caixa com opção de contabilização;
  • Extrato de Conta Bancária;
  • Emissão de Cheques para pagamentos rápidos.

Controle de Relacionamento com o Cliente

  • Integração da empresa ao redor do cliente com uma gestão dinâmica de todo relacionamento com clientes / prospects (potencial cliente);
  • Gerenciamento de oportunidades;
  • Gerenciamento de Prospects, contatos, oportunidades, fatores críticos para o sucesso ou insucesso, orçamentos, propostas, apontamento de todo histórico, anexos, datas etc;
  • Funil de Vendas dinâmico;
  • Projeção de Oportunidades necessárias para alcançar a Meta de Vendas projetada;
  • Gerenciamento de Pós-Venda;
  • Integração completa com todas as áreas da empresa que tem contato com o cliente, seja esta um Call Center, Financeiro, Expedição, Vendas etc;
  • Identificação de novas oportunidades;
  • Agenda corporativa;
  • Processo específico de Telemarketing;
  • Processo específico de Cobrança;
  • Processo específico de Fidelização de Clientes.
  • Foco no cliente ou prospect (potencial cliente);
  • Efetivo sistema de atendimento e relacionamento;
  • Buscam contato pelo nome, telefone  ou pela empresa com velocidade;
  • Possibilidade de armazenar fotos;
  • Envio de e-mails;
  • Relacionamento 360º;
  • Maximiza capacidade de atendimento;
  • Rápido acesso as informações cadastrais;
  • Histórico das comunicações;
  • Histórico das oportunidades comerciais;
  • Apoio para força de vendas;
  • Condução ao fechamento do negócio;
  • Registra compromissos assumidos e sua execução;
  • Agenda pessoal e corporativa.
  • Centraliza as atividades da organização nas suas respectivas datas;
  • Gestão da alocação/reserva de recursos;
  • Calendário de eventos com recorrência (diária, semanal, mensal, anual etc).
  • Registros de atendimentos solicitados pelos clientes em todas as áreas da empresa;
  • Gerencia, compartilha e retém o conhecimento e o histórico do relacionamento com os clientes e prospects (potenciais clientes);
  • Priorização de ações  relativas a importância e facilidade de execução;
  • Gerenciamento de “quem” deve fazer “o que”  para qual cliente ou prospect da equipe.
  • Controla a aquisição, o estoque e a entrega de brindes.
  • Gerencia a política comercial definida pela empresa para fidelização dos clientes (pontos por vendas efetuadas, resgates, validade, pontos etc).
  • Permite o gerenciamento de telefonemas gerados e recebidos;
  • Avaliações de sazonalidade, permite o gerenciamento de telefonemas gerados/recebidos por dia, por horário, por pessoa, por cliente e por assunto.
  • Histórico de todo relacionamento acessível;
  • Geração de informações gerenciais proporcionando um importante diferencial competitivo;
  • Workflow – onde ganha-se,agilidade e controle de status de todos os processos;
  • Gestão dos processos relacionados aos clientes/propects;
  • Centralização e organização da informação sobre clientes, propects, contatos e oportunidades.

Gestão Fiscal

Facilidade na emissão de NF-e, automatização de processos, redução de erros e maior e organização fiscal.

O Sistema de Gestão Fiscal tem como uma das principais vantagens a possibilidade de visualização diária dos créditos e débitos de ICMS, IPI, PIS, COFINS e demais impostos e retenções.

  • Integrado ao Faturamento;
  • Integrado ao Recebimento de Materiais;
  • Integrado a Contabilidade;
  • Integrado ao Ativo Imobilizado;
  • Permite lançamentos de notas fiscais no próprio sistema;
  • Emissão de DARF’s;
  • Cálculo do PIS, COFINS, Contribuição Sindical;
  • Relatório da DIEF;
  • Emissão de DIPI;
  • SINTEGRA / DIC;
  • Compra Legal;
  • DMS;
  • SINCO;
  • DNF;
  • GNRE;
  • Sped Fiscal Icms/Ipi;
  • Sped Fiscal Pis/Cofins;
  • REINF;
  • MANAD;
  • Registro de Apuração de ICMS;
  • Registro de Apuração de ICMS Substituído;
  • Antecipação ICMS / Diferença de Alíquota;
  • Registro de Apuração de IPI;
  • Livro Registro de Entradas – modelo 1;
  • Livro Registro de Entradas – modelo 1A;
  • Livro Registro de Saídas – modelo 2;
  • Livro Registro de Saídas – modelo 2A;
  • Livro ISS;
  • LMC – Livro de Movimentação de Combustíveis;
  • Scanc;
  • Livro de Recuperação de Icms;
  • Período para Apuração de Impostos Parametrizado;
  • Controle e Correção de Créditos;
  • Apuração PIS / COFINS;
  • Demonstrativo antecipado de ICMS;
  • Emissão dos Relatórios Legais, Estaduais e Municipais;
  • Permite Débitos e Créditos Complementares;
  • Permite a Consulta Diária dos Débitos e Créditos de ICMS e IPI;
  • Relatório Diário Auxiliar;
  • Relatório DIRJ;
  • Resumo ECF;
  • Demonstrativo de Estorno de Débitos ICMS;
  • Demonstrativo de Diferenças de Crédito ICMS;
  • Integrado ao Sistema de Contabilidade para onde gera as baixas de títulos e opcionalmente as entradas de títulos quando não está integrado ao Sistema de Recebimento de Materiais;
  • Integrado ao Contas a Receber através do Fluxo de Caixa;
  • Integrado ao Sistema de Caixa / Bancos;
  • Integrado ao Recebimento de Materiais de onde recebe as atualizações de título a pagar automaticamente;
  • Integrado ao Controle de Compras, de onde recebe as atualizações de previsões de pagamento automaticamente;
  • Integrado com o Sistema de Faturamento de Balcão de onde recebe a geração de títulos referentes a taxas de cartões de crédito ou vales refeição;
  • Relatório de títulos a pagar por vencimento, fornecedor, portador e outros;
  • Aprovação por alçada através de assinatura eletrônica;
  • Cadastro de Portadores;
  • Grupos de Despesas;
  • Grupos de Fornecedores;
  • Cadastro de Países;
  • Considera os finais de semana e feriados para cálculo de vencimento real dos títulos;
  • Rotina de Baixa dos títulos de determinada data, com emissão de cheque ao fornecedor, ao portador ou a própria empresa;
  • Substituição de títulos (1 por N, N por 1 e N por N);
  • Emissão de cheques;
  • Emissão de Borderô de Pagamentos;
  • Relatórios podem ser emitidos em qualquer moeda;
  • Relatório Razão Auxiliar;
  • Emissão de etiquetas dos fornecedores;
  • Relatório Diário Auxiliar;
  • Consulta de títulos por fornecedor (em aberto, atrasos, pagos).

Administração de Vendas (Check-out ou Balcão)

Agilidade no processo de vendas, facilidade no controle de estoque, melhorando a experiência do cliente e aumentando a eficiência operacional.

A maior vantagem deste sistema é na substituição dos PDV’s ou POS’s como checkout, mantendo um custo menor e a possibilidade de utilização do mesmo equipamento no próprio gerenciamento. Além disso, outra vantagem, é a completa integração com a central (distribuidora ou franqueadora), transmitindo para a mesma toda a movimentação do dia e recebendo as atualizações.

  • Integrado com Escrita Fiscal para onde gera automaticamente as informações das notas fiscais de saída para os Livros Fiscais;
  • Integrado à Contabilidade através do Contas a Receber e Contas a Pagar, para onde gera a contabilização das notas fiscais de venda por “tipo de venda”;
  • Integrado ao Controle de Estoque onde faz a baixa automática dos produtos faturados;
  • Integrado com Contas a Receber para onde gera os títulos a receber, classificados por tipo de venda e por grupo de receita;
  • Emissão de notas fiscais de balcão;
  • Emissão de Cupom Fiscal;
  • TEF Discado, Dedicado ou via Internet;
  • Tabela de preços;
  • Emite vários relatórios de estatísticas de faturamento;
  • Controle de vendas por balconista;
  • Fechamento do caixa;
  • Utilização de códigos de barras;
  • Controle de convênios;
  • Controle de crediário;
  • Permite arredondamento do valor da venda;
  • Permite alteração do preço de venda do item com uso de senha;
  • Permite desconto em percentual por item, grupo de itens ou para determinada venda;
  • Permite desconto em valor para uma venda;
  • Controle de Cartões de Crédito e Vale Refeição;
  • Relatório de Fechamento do Caixa;
  • Relatório de Fechamento do Financeiro;
  • Aceita como identificador do item o seu código, o código do fabricante, parte do nome (abre zoom para localização), o código de barras referente ao seu código ou o código de barras referente ao código do fabricante. Permite a leitura de código de barras gerado por balanças;
  • Cálculo do troco;
  • Consulta dos saldos de estoque dos itens;
  • Consulta da localização física dos itens no estoque;
  • Consulta a ficha do Cliente;
  • Integração com o sistema de Custos/Preço de Venda de onde recebe os preços de venda dos produtos;
  • Permite a tratativa de Matriz e Filiais com geração de alterações de itens e novos preços para as Filiais e das movimentações das Filiais para a Matriz;
  • Possui uma rotina bastante completa de integração entre as Lojas e a Central;
  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar para onde gera os títulos a pagar referentes as taxas de cartões de crédito e outras.

Gestão de Pessoal

O maior diferencial do Sistema de Folha de Pagamento é que praticamente todas as situações que possam acontecer a um funcionário estão previstas. Além disso, no caso de relatório anuais, caso tenha sido cometido um erro com relação a um certo provento ou desconto na formação de uma das bases de cálculo, esta situação pode ser facilmente revertida.

  • Número ilimitado de funcionários;
  • Processamento de N empresas;
  • Processamento de N filiais;
  • Pode ser integrada com a Contabilidade para onde gera lançamentos automaticamente;
  • Emissão de cheques, relatório de cédulas e cartas de aviso de crédito para folha de pagamento e adiantamento;
  • Emissão de envelope de pagamento em formulário comum (80 colunas) ou pré-impresso;
  • Possibilidade de reprocessamento individual;
  • Permite executar o cálculo de uma só vez para todas as empresas cadastradas;
  • Permite executar o cálculo de uma só vez para todas as empresas cadastradas;
  • Permite executar o cálculo de uma só vez para todas as empresas cadastradas;
  • Permite a emissão de envelopes de pagamentos, resumo do cálculo, GPS, RE, GR, Admitidos e Demitidos e outros de uma só vez para as empresas cadastradas;
  • Rotina de Rescisão;
  • Rotina de Férias e Diferença de Férias, controlando as faltas dos funcionários para o cálculo dos dias de férias;
  • Rotina de Adiantamentos;
  • Rotina de Evolução Salarial (histórico e evolução por coeficiente);
  • Rotina de 13º. Salário e Diferença do 13º. Salário;
  • RAIS/ DIRF/Rendimentos;
  • SEFIP;
  • Cálculo automático de: Vale Transporte, INSS, FGTS, IR, Insalubridade, Periculosidade, Média de Horas Extras, Repouso Remunerado sobre Horas Extras, Salário Família, Comissões, Média de Comissões, Repouso Remunerado sobre Comissões, Assiduidade, Contribuição Sindical, Reversão Salarial, Quebra de Caixa com Média, etc;
  • Possibilita cadastrar os valores históricos, permitindo a implantação do sistema em qualquer mês, sem prejuízo para os relatórios anuais;
  • CAGED;
  • Possibilita pagamento dos rendimentos do PIS na Folha de Pagamento;
  • Folha Complementar;
  • Atende os regimes CLT e Estatutário;
  • Atende todas as classes salariais;
  • Tratamento de Pró-Labore;
  • Geração de Proventos e Descontos, com tratamento de exceções;
  • Geração automática de estouro de pagamento e arredondamento, este com possibilidades de escolher para quanto se quer arredondar;
  • Possibilidade de tratar proventos e descontos por faixa de salário;
  • Emissão de etiquetas para cartão ponto e contratação;
  • Emissão CAT;
  • Emissão Salário Contribuição;
  • Emissão GRFC e GRRF;
  • PPP (Perfil Profissiográfico);
  • Controle de fardamento, treinamentos, materiais etc;
  • Relatórios e documentos admissionais (PIS, CTPS, requerimentos de salário família e IR, contrato de experiência);
  • Programação de Férias;
  • Emissão Seguro Desemprego;
  • Salário Família com controle de idade dos dependentes, para dependentes normais, possibilitando o tratamento de casos excepcionais;
  • Arquivamento de currículos com a possibilidade de administração por itens de análise;
  • Gestão de processos trabalhistas;
  • Integração com Rede Bancária.

Gestão Contábil

A maior vantagem do Sistema de Contabilidade está na sua integração com os demais sistemas de onde recebe os lançamentos. Pode ser utilizado para efeitos fiscais e também para fins gerenciais, não sendo necessário sequer o fechamento do mês para utilizá-la no acompanhamento da saúde da empresa. Qualquer relatório, como por exemplo um balancete ou um demonstrativo montado, pode ser emitido semanalmente ou até diariamente.

  • Plano de Contas com número ilimitado de níveis;
  • Históricos Padronizados;
  • Centros de Custo separados do Plano de Contas;
  • Permite lançamentos “sem contrapartida”, “com contrapartida obrigatória” ou “com contrapartida opcional”;
  • Lançamentos de N meses podem ser mantidos;
  • Saldos de N meses podem ser mantidos;
  • Uso de Contas Reduzidas (opcional);
  • Geração automática de Contas Reduzidas (opcional);
  • Zeramento automático de Contas de Resultado;
  • Permite a geração de uma nova empresa aproveitando o Plano de Contas e Históricos padronizados de uma empresa já existente;
  • Relatório “Diário” de um intervalo de datas;
  • Relatório “Razão” de um intervalo de datas;
  • “Balancete” de um intervalo de datas (Analítico ou Sintético);
  • “Balanço” de um intervalo de datas;
  • Demonstrativos Contábeis podem ser montados;
  • Possibilita manter N meses em aberto;
  • Possibilita lançar no sistema sem que estejam disponíveis ainda os saldos das contas. Com isto, um sistema anterior que não está mais atendendo, pode ser substituído por este, em qualquer mês do ano;
  • Demonstrativos podem ser emitidos em qualquer moeda;
  • Geração do SPED Contábil;
  • Geração do SPED Lalur;
  • Geração do FCONT;
  • Geração do DACON;
  • Multiempresa;
  • Integrado ao sistema de Controle de Patrimônio de onde recebe lançamentos de depreciação e correção dos bens;
  • Integrado ao sistema de Escritura Fiscal de onde recebe todos os lançamentos referentes à Notas Fiscais recebidas e emitidas pela empresa;
  • Integrado ao sistema de Folha de Pagamento de onde recebe os lançamentos por Centro de Custo;
  • Integrado ao sistema de Controle de Estoques de onde recebe os lançamentos das movimentações;
  • Integrado ao sistema de Contas a Pagar de onde recebe os lançamentos referentes à baixas, juros pagos, descontos, etc;
  • Integrado ao sistema de Contas a Receber de onde recebe os lançamentos referentes à baixas, juros concedidos, descontos, etc;
  • Integrado ao sistema de Caixa/Bancos de onde os lançamentos referentes às movimentações bancárias.

Ativo Imobiliario

O Sistema de Ativo Imobilizado administra todo o ativo e passivo da empresa, faz controle físico e financeiro dos bens, com correções e depreciações dos valores.

  • Módulo de cálculo automático, atualizando os valores de depreciação e correção desde a aquisição do bem até a data de implantação do sistema. Controle e cálculo total da Correção Monetária Complementar devido a lei 8.200;
  • Configuração flexível da codificação dos bens. Permite também a codificação dos bens por um código já utilizado na empresa, como por exemplo, as Plaquetas de Identificação de Patrimônio já colocadas;
  • Consulta no vídeo de todos os bens já cadastrados pelo código do bem ou pela sua Plaqueta de Identificação;
  • Cadastro de bens agregados e reavaliados;
  • Controle de bens por seguradora com planta de seguros e localização;
  • Ficha de cadastro dos bens contendo dados como: centro de custo, localização, seguradora, valor e vencimento do seguro, responsável pelo bem, quantidade e fornecedor. Além destes, um campo livre para ser utilizado pelo usuário;
  • Permite que um determinado bem fique em centro de custo e localização diferentes em cada mês. Permite depreciação acelerada/reduzida, com taxas definíveis mês a mês e alterável automaticamente;
  • Consulta no vídeo ou relatório de todos os cálculos de correção e depreciação de qualquer bem, num período de um ano;
  • Prevê o tratamento de ocorrências, desde transferências entre bens até baixa e baixa parcial por valor ou por quantidade física, dando o tratamento contábil correspondente;
  • Possibilita o cancelamento de uma baixa feita indevidamente;
  • Transferência de Ufir entre bens;
  • Importação de bens de outros softwares. Permite exportação de bens para arquivos textos;
  • Todos os ajustes legais como OTN/BTN, Lei 8200, cruzeiro/cruzeiro real, cruzeiro real/real incluídos;
  • Faz cálculos de depreciação em moeda estrangeira para fins gerenciais;
  • Backups automáticos, senha para acesso ao sistema e seus diversos módulos e help online;
  • Permite a integração com o sistema de contabilidade: lê diretamente o Plano de Contas e/ou a tabela de centros de custo;
  • Permite o controle diário de centros de custo, localizações e responsáveis;
  • Ficha analítica dos bens de forma completa e simplificada;
  • Relatório de bens adquiridos em um determinado período;
  • Relatório de bens baixados em modelo simples e completo;
  • Resumo de correção e depreciação;
  • Resumo para contabilização em relatório ou em arquivo texto contendo os lançamentos para serem importados na contabilidade;
  • Razão auxiliar em Ufir;
  • Relação de bens e seus agregados;
  • Listagem dos bens com suas ocorrências (baixas e transferências);
  • Relatório de bens por responsável juntamente com termo de responsabilidade de guarda dos bens;
  • Listagem que expressa em quais centros de custo e localização um determinado bem esteve em cada período do ano;
  • Relatório do controle diário de centros de custo, localizações e responsáveis;
  • Relatório de bens totalmente depreciados; 
  • Resultado da Correção Monetária;
  • Poderosa ferramenta que permite ao usuário escolher quaisquer campos da ficha cadastral e de cálculos de correção e depreciação dos bens, para a emissão de relatórios;
  • Estes relatórios podem ser gerados no vídeo, impressora ou arquivo, totalizados em qualquer ordem .

Sistema de gerenciamento de Frotas

Controlar os gastos com veículos e equipamentos, verificando anormalidades e atuando no tempo previsto, é de extrema importância para se evitar transtornos econômicos e políticos.

A programação de manutenções periódicas ajuda a conservar veículos e aumenta sua vida útil, reduzindo significativamente os custos com a frota.

O PA Frota controla as ordens de serviços, auxiliando na administração da utilização da oficina e seus funcionários, controlando também os custos de veículos por atividade. Estatística feita por especialistas apontou que o sistema informatizado reduz o custo da frota imediatamente após sua implantação.

Totalmente integrado aos módulos de Serviço/OS, Fiscal e Financeiro.

  • Manutenção;
  • Movimentação (abastecimento, vencimentos);
  • Sinistros, Multas, Seguro, Licenciamento e Seguro Obrigatório;
  • Oficina (serviço, produtos e preventiva);
  • Atividades e Checklist;
  • Pneus e Recapeamentos;
  • Coleta;
  • Manifesto\Carta de Frete;
  • Faturamento;
  • NFSE;
  • CTE;
  • MDFE;
  • CTEOS.
  • Controle de pontos na CNH;
  • Controle de Coletas e viagens;
  • Emissão de CTe, MDFe, CTeOS;
  • Confecção de manifestos e emissão de cartas de frete;
  • Contrato de Frete;
  • Faturamento com agrupamento de CTe e emissão de faturas, boletos e NFSe;
  • O ambiente é totalmente amigável, facilitando a operação para o usuário;
  • O sistema gerencia a frota de modo prático, apontando os pontos falhos na manutenção, abastecimento, serviços, peças e pneus, possibilitando interferência rápida para corrigir as deficiências, evitando a permanência de falhas;
  • Programação periódica da manutenção preventiva;
  • Apuração do custo dos veículos e por atividade;
  • Controle dos gastos com abastecimento, lubrificação, peças, serviços, pneus e outras despesas;
  • Controle de localização de cada veículo, pneus, componentes e serviços em execução;
  • Sugere reforma de pneus pelo mínimo atingido, troca de peças e componentes;
  • Controla os vencimentos de pagamentos e/ou preventivas não permitindo atrasos ou esquecimentos;
  • Verifica gastos e desgastes irregulares;
  • Serviços executados nos veículos, suas atividades e produção;
  • Itinerários e linhas;
  • Oficina própria e terceirizada;
  • Veículos;
  • Motoristas;
  • Posição e tipos de pneus;
  • Ordem de serviço, horas trabalhadas na oficina;
  • Serviços da oficina;
  • Produtos gastos nos veículos e equipamentos;
  • Atividade e trabalho executado: horas, km e produção;
  • Colocação e retirada, rodízio, medição e reforma de pneus;
  • Emissão dos seguintes relatórios: Vencimentos (IPVA, Seguro, RTB, DUT);
  • Custo do veículo/equipamento por serviços;
  • Custo do veículo/equipamento por atividades;
  • Ficha de preventiva, do veículo e do pneu;
  • Controle de gastos e custos de pneus por Km;
  • Médias de consumo;
  • Acompanhamento da oficina e indústria .

Controle de Ponto e Apropriação de Horas/Humanas

O Ponto é uma solução de controle de ponto informatizado que propicia um maior controle aos gerentes e maior praticidade ao RH. O registro do ponto é efetuado através do teclado ou por identificação biométrica. O software pode ser adaptado às necessidades específicas da sua empresa.

Registra além das horas trabalhadas, o serviço realizado e o projeto/centro de resultado responsável pelas horas trabalhadas;

  • Suporte à identificação biométrica;
  • Alta customização com tecnologia de scripts;
  • Consulta via acesso remoto;
  • Multiusuário, com níveis de acesso;
  • Cadastro de quadro de horários (com diversas opções de cálculos que se adaptam a sua empresa), funcionários com impressões digitais, feriados, afastamentos, usuários, estabelecimentos, departamentos, setores e seções (depende do controle exercido pelo relógio de ponto, não incluso);
  • Regras de restrições. A empresa poderá determinar o tempo máximo de intervalo, tolerância para entrada e saída, máximo de horas extras etc. Nesses casos, o registro só é liberado mediante autorização do responsável (depende do controle exercido pelo relógio de ponto, não incluso);
  • A qualquer momento, o cartão ponto pode ser impresso com o total de horas trabalhadas, extras/faltantes, repouso remunerado, adicional noturno e afastamentos (depende do controle exercido pelo relógio de ponto, não incluso);
  • Interface moderna, flexível e intuitiva;
  • Pode ser instalado no computador de cada funcionário (somente o módulo de registro);
  • Exportação de dados genérica;
  • Registro do ponto através da internet com controle de replicação. Algumas das vantagens são: Possibilidade de registro do ponto em qualquer estabelecimento; Banco centralizado. Não é necessária a importação dos dados no final de cada mês. Na central, a qualquer momento é possível visualizar e fazer a manutenção nos pontos dos estabelecimentos.
  • Cadastrais: Quadro de horários, funcionários, afastamentos e feriados;
  • Espelho do cartão ponto contendo todas as marcações realizadas no período, cálculo de horas extras e faltantes. Este relatório é individual e assinado pelo funcionário e tem validade legal em caso de reclamatórias trabalhistas (integrado ao módulo de gestão de pessoal, não incluso);
  • Resumo do espelho do cartão: relatório gerencial, lista todos os funcionários com total trabalhado e saldo;
  • Inconsistências no cartão: lista os registros que possuem entradas ou saídas em branco;
  • Presenças e ausências;
  • Afastamentos no cartão: lista funcionários em férias, folga, atestado, etc (integrado ao módulo de gestão de pessoal, não incluso);
  • Todos os relatórios possuem filtros genéricos e customizáveis;
  • Todos os relatórios possuem opção de visualização em vídeo, PDF, RTX, XLS e impressora.
  • Baixo investimento;
  • Maior customização;
  • Registro e controle do ponto através da internet;
  • Possibilidade de instalação em vários computadores sem custo adicional;
  • Melhor relação custo/benefício comparado com soluções baseadas em coletores.

Planejamento e Orçamento de Projetos

No segmento de construção e desenvolvimento de projetos, agilidade, qualidade e eficiência são fatores determinantes à evolução e à sobrevivência do negócio. O Plano é um sistema de gestão empresarial que permite o controle total e a integração entre projetos, obras, gestão de recursos humanos, almoxarifado, compras e financeiro.

A partir do cruzamento de dados, o Plano oferece uma análise minuciosa do desempenho de diferentes setores e atividades, atendendo a uma grande variedade de processos gerenciais nos mais diversos tipos de empresa.

O Plano é um ERP completo, que aplica o conceito de Business Intelligence (ferramenta de apoio à tomada de decisões) ao negócio. O acesso a informações estratégicas é rápido e é possível, também, através da internet. É uma solução que integra as diversas áreas da empresa, trazendo agilidade e reduzindo a margem de erro em todos os processos. Com a integração de todas essas áreas em um único núcleo gerencial, informações consolidadas fornecem apoio seguro para tomada de decisões, possibilitando os acertos necessários à evolução do negócio.

  • Permite-se trabalhar com vários itens por subnível, vários subníveis de níveis por orçamento, várias orçamentos por projeto e vários projetos ao mesmo tempo;
  • Insumos/preços, composições, itens e contratos globais, válidos para todos os orçamentos;
  • Manuseio de planilha de projetos, recursos associados e ajuste de coeficientes e preços em uma só tela;
  • Inclusão de itens de planilha com preço, sem a necessidade de associar recursos a elas;
  • Possibilidade de se trabalhar com vários preços para um insumo (em moedas e unidades diferentes);
  • Parametrização de insumos por grupos (equipamentos, mão de obra, materiais, etc.);
  • Cotação de preços dos insumos na unidade orçada ou na unidade de compra;
  • Opção de BDI por orçamento, por grupo de insumos e por itens (BDI diferenciado);
  • Cálculo automático do BDI do orçamento;
  • Preço do orçamento “online”;
  • Ajuste automático do valor final do projeto com várias formas de rateio, de acordo com o usuário;
  • Cronograma planejado e realizado por períodos, permitindo visualização mensal, quinzenal, semanal e diária;
  • Ordenações e busca rápida de insumos e composições;
  • Alteração geral de dados de insumos e composições, além da exclusão de insumos e composições não utilizadas no projeto;
  • Apropriação manual de insumos consumidos por item, orçamento e período;
  • Cópias de dados entre orçamentos da base: insumos/preços, composições e itens;
  • Controle de vigência de preços por data para os insumos com impacto direto na planilha do projeto;
  • Controle de revisão dos orçamentos;
  • Relatórios de Orçamentos analíticos, sintéticos, curva ABC, quantitativo, para cotação, dentre outros;
  • Relatórios de Propostas (vários layouts).
  • Controle do recebimento do contrato e do pagamento por itens de planilha;
  • Lançamento de diversas medições no mesmo período através de medições complementares;
  • Realinhamento de preços;
  • Reajustamento do contrato;
  • Controle dos saldos contratuais a pagar e a receber;
  • Retenção/adiantamento dos pagamentos e recebimentos;
  • Controle de aditivos contratuais de valor e data;
  • Contratos globais tipo “guarda-chuva”, distribuindo-se quantitativos por projetos diferentes com a possibilidade do controle de saldos gerais.

Toda e qualquer verba prevista como despesa no orçamentos da empresa e destinada a fins específicos.

Qualquer tipo de pagamento que não tenha dotação específica só pode ser realizado se for criada uma verba nova ou dotação nova ou ainda, for aprovada por usuário com limite de alçada, para suprir a despesa

 

  • Integrado ao Sistema de Contas a Pagar de onde verifica os lançamentos que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AF-Autorizações de Fornecimento de Materiais que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Integrado ao Sistema de Compras de onde verifica as AFS-Autorizações de Fornecimento de Serviços que possuem ou não dotação orçamentária;
  • Relatório Anual ou mensal por Grupos de Despesas;
  • Relatório de Orçado x Realizado por data de vencimento, data de emissão do documento ou data de pagamento, fornecedor entre outros.
  • Auditoria (log) de processos por usuário;
  • Integrado ao módulo de estoque, compras e almoxarifado;
  • Integrado ao módulo financeiro;
  • Integrado ao módulo de serviços.

Bares e Restaurantes

O PA Bar e Restaurante é um sistema completo, capaz de controlar qualquer tipo de estabelecimento de alimentos como Pizzarias, Restaurantes, Delivery, Cafés, Bares, Lanchonetes, Padarias, Rotisseries e Self-Service. Com ele, você pode ter controle total dos pedidos, cardápio, clientes, estoque e financeiro, desde a comanda até o fechamento de caixa, sendo considerado pelos seus usuários, o sistema mais completo e fácil de operar.

Você conta com a rapidez de identificação dos produtos, com a imagem digitalizada na tela. Assim, terá a certeza da venda do produto correto, conforme o pedido. Na opção de entrega você conta com informações que irão facilitar o atendimento em domicílio. Ligado ao identificador de chamadas, o número do telefone do cliente aparece na tela de pedidos. A partir do momento em que o cliente é cadastrado no sistema, você conta com informações que irão facilitar todo o processo de entrega.

Re-homologação TEF efetuada em 2006 para as redes VISANET, REDECARD, AMEX, TECBAN e sistema PAY&GO. A homologação da rede HIPERCARD está em andamento.

  • Sistema totalmente interativo e de facílima operação;
  • Preparado para Windows, Multiusuário, Multiempresa, Multiplace (centro de custo) e Multi-estoque;
  • Permite integração entre escritório central e filiais;
  • Base de dados controlada por Software Gerenciador Relacional padrão SQL;
  • Uso de impressoras comuns e/ou fiscal;
  • Gerenciamento de usuários com senhas e direitos definidos pelo administrador;
  • Leitura de peso de balanças eletrônicas (refeições a quilo);
  • Controle de entrada (recepção) com cadastro personalizado, agilizando o fluxo de clientes e provendo segurança;
  • Opera vendas em balcão;
  • Ferramentas de marketing de relacionamento (mala direta, classificação e ranking de clientes entre outros);
  • Gerenciamento completo de reserva de mesas;
  • Mapa visual das mesas, com indicação gráfica da situação atual;
  • Completo cadastro de clientes, fornecedores, funcionários e todas as pessoas físicas e jurídicas que se relacionam com o seu negócio;
  • Cadastro completo de ingredientes e itens de cardápio, que podem ser compostos (pratos) ou não;
  • Impressão dos pedidos na cozinha, bar ou em qualquer lugar programado no cadastro do item de cardápio;
  • Gerenciamento de “combos”;
  • Gerenciamento de vários estoques (transferências, suprimentos, inventário etc..), sendo que cada centro de custo (ex. boate, restaurante, bar) pode ter um determinado estoque atrelado;
  • Baixa automática no estoque dos itens de cardápio vendidos ou ingredientes que formam o item;
  • Ficha técnica completa, com possibilidade de baixa de estoque por explosão e recurso de pré-produção;
  • Perfil de clientes com análise de consumo individual e definição de limite de consumo específico;
  • Administração de garçons, com ou sem senhas para operação dos microterminais, emitindo relatório com taxas de serviço acumuladas em determinado período e planilha de comissões;
  • Transferência entre mesas, comandas, cartões ou bilhetes através de senha;
  • Diversos relatórios operacionais e administrativos (tela / impressora / arquivo Word ou Excel);
  • Relação de itens de estoque e ingredientes para compra (abaixo do estoque mínimo), e sugestão de compra;
  • Entrada de notas fiscais de compra, com inclusão automática nos estoques e lançamento no contas a pagar.
  • Automatização de várias tarefas, evitando erros humanos: promoções programadas, taxa de serviço ou consumação mínima incluídos automaticamente na conta e com características especiais;
  • Unidade de compra e de venda com conversão automática (ex: compra garrafa e vende dose) durante o processo de compra e/ou transferência entre estoques;
  • Gerenciamento de unidade fracionada e unidade de compra para ingredientes: compra caixas, estoca garrafas e é usado na ficha técnica em doses;
  • Permite inserir no pedido observações de itens de cardápio durante o pedido (sem cebola, etc.), havendo ainda a impressão desta observação na cozinha, ou bar;
  • Inclusão automática de adicionais de comanda (taxa de serviço, consumação mínima, couvert artístico, garagem etc..) nas contas geradas, havendo ainda relação com o centro de custo (ex. na boate existe inclusão automática de consumação mínima, já no restaurante somente a taxa de serviço), ou ainda relação direta com a área do restaurante (ex. na área central existe couvert artístico, já na parte externa não) e ainda para determinadas mesas ou determinada praça;
  • Módulo para quiosque de consulta de consumo; 
  • Recepção de clientes através de cadastramento básico e rápido nos microterminais, computadores, e entrega de cartão de consumo.

Automação de Postos de Combustíveis

  • Integração com as bombas de combustíveis;
  • Leitura código de barra de produtos, clientes e veículos;
  • Interface com impressoras de Cheques, Fiscais e Matriciais (40 colunas);
  • Venda de Combustível através das bombas;
  • Venda de Produtos e Serviços;
  • Determinar a forma de pagamento que poderá ser: Pagamento em Dinheiro, Cartão de Crédito, Cheque à vista, Cheque pré-datado e Requisição (compra à prazo);
  • Pagamento de Despesas de Caixa (Ex. Cortesia Coca-Cola);
  • Emitir e/ou imprimir documentos tais como: Cupom Fiscal, Nota Fiscal modelo 1 (na impressora do escritório), Requisição (compra à prazo), Ordem de Serviço, Vale Troca (acumulado das pontuações de promoções), preenchimento de Cheque;
  • Fechamento de Caixa (total ou parcial);
  • Acompanhar e realizar premiações clientes participantes de promoções;
  • O sistema poderá acompanhar as pontuações (litragem ou valor em Real) conforme os clientes vão abastecendo (Ex: Abasteça 1000 litros e ganhe uma troca de óleo). Entretanto o sistema poderá realizar premiações instantâneas, como por exemplo sortear um numero de 0 a 99 e verificar com os dois últimos dígitos da placa do veiculo;
  • Efetuar baixa nas pontuações dos clientes contemplado e registrar o valor do prêmio como despesa no plano de contas sendo possível sabe quanto custa cada promoção;
  • Revendedor poderá optar também por um terminal na troca óleo ou na lavagem.
  • Na realidade as operações do caixa pista são bem parecidas com as da Loja de Conveniência, portanto todas as funções da pista se aplicam também a Loja. Contudo, o PDV da Loja poderá ser utilizado independente da pista ou integrado a ela. Mas, se a integração com a pista ocorrer os Terminais da Pista não poderão ser instalados em conjunto com o da Loja;
  • Caixa da Loja também poderá operado completamente independente da Pista. Ou seja, não é permitido a venda de combustível;
  • Todas as operações da GESTÃO serão aplicadas a LOJA.
  • Coletar informações dos PDV’s Caixa da Loja e Pista um determinado período (turno);
  • Por ocasião da coleta o sistema realiza baixa no estoque, atualiza conta corrente de clientes, lê os encerrantes dos bicos e atualiza todos os lançamentos das operações envolvidas nos caixas. OPCIONAL PISTA;
  • Fechamento do Caixa (por período ou consolidado diariamente ou mensalmente;
  • Relatório de Consulta e/ou Falta de Caixa; 
  • Emissão da planilha diária que pode ser personalizada de acordo com a necessidade do Posto;
  • Controle de Estoque (tanques, óleos, mini mercado, loja Conveniência, prateleira;
  • Relatório de Necessidade de Compra;
  • Reajuste automático de preços dos produtos, por grupo, mark-up ou produto a produto;
  • Lista de Preço;
  • Emissão do Mapa do L.M.C;
  • Gráfico de Vendas de Combustível;
  • Contas a Pagar;
  • Contas a Receber (Faturamento de Clientes, Conta corrente cheques pré-datados, cartão de crédito, vale frete);
  • Controle de Cheques Sem Fundos;
  • Extrato bancário;
  • Curva ABC de Produtos e Clientes;
  • Produtos Não Vendidos;
  • Comissão de funcionário;
  • Relatório de Rentabilidade e Balancete Financeiro;
  • Relatório de Saldo para Nota Complementar;
  • Emissão de Nota Fiscal Modelo 1 (referenciando aos cupons automaticamente);
  • Emissão de Boletos de Cobrança;
  • Exportação dados para Escrita Fiscal;
  • Fluxo de Caixa;
  • Integração CAT 17 (ressarcimento ICMS);
  • Cadastros de Bicos / Tanques (quantidade ilimitada de bicos);
  • Cadastros de Clientes (a prazo), Clientes Preferenciais, Clientes Inadimplentes, veículos, fornecedores, produtos, serviços, plano de contas (até 3 níveis), bancos, funcionários, etc;
  • Calculador;
  • Emissão de mala direta para clientes em débito, aniversariantes, etc;
  • Cadastro de usuários com níveis de acesso específico para determinados módulos com restrições em alteração e/ou cancelamento de caixas já fechados. Isto significa SEGURANÇA TOTAL;
  • Suporte a rede LAN e WAN;
  • Relatórios com opções de vídeo;
  • Em um total de 96 relatórios diferentes.

Gestão Clínicas e Hospitais

O PA Gestão Médica foi planejado e desenvolvido de forma a acompanhar a evolução das consultas médicas e dos procedimentos hospitalares. Tem como objetivo organizar, em poucas telas as informações que mais interessam ao médico, de forma completa, eficiente e fácil de usar.

  • Ficha de identificação possui todos os dados cadastrais do paciente;
  • Fotos;
  • Pendência este quando campo e preenchido, a agenda de consultas avisa a existência de tal pendência no momento de marcar a consulta para aquele paciente;
  • Convênios: procedimentos, taxas, materiais e medicamentos e valor do cheque, podem ter valores diferenciados para cada convênio;
  • Anamnese: possui recursos de edição de textos, tais como mudança de tipo de letra, tamanho etc. Pode ainda ser criados alertas para pesquisa e ou estatísticas;
  • Evolução: oferece recursos de edição de textos. Além disso, permite que sejam manuseadas palavras chaves e CID – Código Internacional de Doenças (o CID – 9 e o CID-10)  para que sejam, posteriormente, manipulados em estatísticas médicas;
  • Traz cadastrados as tabelas AMB-90,AMN-92, CIEFAS,LPM e ainda permite a criação de novas tabelas, por meio de tabela especial;
  • Imprime contas médicas e diversos relatórios sobre o faturamento de convênios. Calcula repasse entre a clinica e os médicos e viabiliza estatística de procedimento realizados e solicitados;
  • Agenda de consultas inteligente, completa e totalmente integrada a ficha de pacientes, alertando desta quanto a possíveis pendências;
  • Referências bibliográficas: o usuário poderá fazer um cadastro completo dos livros e artigos científicos mais importantes, mantendo sempre a mão um guia de fácil consulta e atualização;
  • Agenda telefônica permite aos usuários registrar seus contatos, com facilidade: permite consulta das mais diversas maneiras;
  • Integrado ao modulo PA Financeiro, permite um completo gerenciamento financeiro, com impressão de recibos, cheques etc. Vários tipos de relatórios como extrato de contas, fluxo de caixa, balancete, entre outros;
  • Integrado ao modulo PA – Estoque e Recebimentos de materiais, que permite o acompanhamento de entrada e saída de materiais. Impressão de relatórios de todos os fornecedores, itens em estoque, movimentação, itens abaixo do mínimo e quantidade a comprar. Alem disso, as últimas compras de cada material são sempre apresentados aos usuários.

Controle e Gerenciamento de Imobiliárias

A tecnologia por si só não promove o relacionamento com o cliente, e muitos projetos de CRM esquecem um dos recursos fundamentais para o relacionamento: as pessoas.

  • Cadastro Compradores e Vendedores de Imóveis;
  • Cadastro completo de Clientes;
  • Cadastro completo de Fiadores;
  • Cadastro completo de Fornecedores;
  • Cadastro de Imóveis, dados completos e Fotografias;
  • Corretores, Custo Operacional;
  • Negócios e lançamentos;
  • Gera Contratos de Locação e Venda de Imóveis;
  • Lançamentos e controle de pagamentos de aluguéis;
  • Gera Boletos, Recibos, Carnês e Nota Fiscal;
  • Cálculo de Financiamento Tabela Fator PRICE para Venda de Imóveis;
  • SAC – FAC / Ficha de Cliente – Telemarketing com gerenciamento;
  • Lançamentos de Vendas parcelado com cálculo de juros com Taxas administráveis ( Selic, FGV, FAP, etc);
  • Integração com módulo Financeiro com Caixa, Contas à Pagar e Contas à Receber;
  • Gerador de PDF;
  • Integração com Inventário Ativo Fixo e Móvel;
  • Cálculo de Juros Tabela PRICE;
  • Mala Direta Configurável em Clientes;
  • Agenda;
  • Calculadora.
  • Níveis de Hierarquia no Gerenciamento;
  • Live Update eletrônico de Novas Versões;
  • Funcionamento Simples e Eficiente em Rede;
  • Relacionamento de Dados;
  • Backup gerenciável de Banco de Dados.

Gestão Escolar e Acadêmica

Este software aplica-se a escolas e faculdades que tem por objetivo gerenciar os processos que envolvem toda a vida acadêmica. Totalmente integrado aos módulos de Gestão de Pessoal, Financeiro e Almoxarifado/Compras.

  • Matrículas, pré-matrículas e rematrícula automáticas;
  • Cadastro completo dos alunos com dois responsáveis: o financeiro e o acadêmico, ficha de saúde com enfermidades, deficiências e instrução para medicação dos discentes.
  • Boletim e históricos escolares;
  • Diários de classe;
  • Demonstrativos de notas e faltas;
  • Emissão de grade de horários, alunos e matérias por turma;
  • Permite o acompanhamento pela Internet do desempenho dos alunos informando as notas e a média da turma;
  • Integração com os professores, permitindo a digitação de notas e faltas via internet.
  • Totalmente integrado ao módulo financeiro;
  • Gera automaticamente boletos bancários em A4, de qualquer banco, para os alunos e/ou gera arquivo eletrônico;
  • Está preparado para receber o arquivo de retorno dos bancos com todas as ocorrências e realizar as baixas das mensalidades pagas;
  • Controla os alunos com bolsa, Fies e/ou crédito educativo;
  • Emissão de diversos relatórios que facilitam o controle e o acompanhamento dos recebíveis;
  • Emite declaração para fins de imposto de renda;
  • Controle total das mensalidades por aluno, turma, curso e escola;
  • Controle de cheques pré-datados, depositados e devolvidos;
  • Cartas de cobrança.
  • Multiusuário e multiempresa;
  • Login de usuários: com uma senha por usuário, permite saber quem fez o que e quando;
  • Opcionalmente, pode-se travar a liberação dos resultados de alunos em débito;
  • Controle de suspensões, transferência, evasão e remanejamento dos alunos;
  • Cadastro e controle das linhas de transporte escolar e alunos nelas lotados;
  • Planejamento dos professores;
  • Ficha sócio pedagógica de pais / responsáveis;
  • Inclusão de mensagens personalizadas no boletim do aluno;
  • Controle de atestados médicos dos alunos;
  • Cursos em série, por disciplina, extensão e pós graduação.

Controle de Operação de Postos de Vigilância

O módulo Operação é uma solução de controle e gerenciamento informatizado de postos de vigilância e dos recursos empregados nesta atividade, que propicia um maior controle aos gerentes e maior praticidade ao RH. O software pode ser adaptado às necessidades específicas da sua empresa.

  • Cadastro Contratos;
  • Cadastro Vigilantes;
  • Cadastro Prestadores de Serviço;
  • Cadastro Postos de Serviço;
  • Cadastro e controle de Armas;
  • Cadastro e controle de Munição;
  • Cadastro e controle de Bens Patrimoniais (cálculo de depreciação não incluso);
  • Cadastro e controle de Veículos, inclusive com controle de abastecimento;
  • Cadastro e controle de escalas de trabalho;
  • Cadastro e controle de materiais de consumo (almoxarifado);
  • Movimentação e inventário por posto ou contrato de vigilantes, munição painel balístico, veículos e outros bens patrimoniais;
  • Livro Registro Armas;
  • Livro Registro Munição;
  • Controle de Reciclagens;
  • Controle de efetivo;
  • Gerador de PDF;
  • Alta customização com tecnologia de scripts;
  • Possibilidade de trabalhar via acesso remoto;
  • Multiusuário, com níveis de acesso;
  • Integração com  módulo de Gestão de Pessoal;
  • Integração com Compras e Almoxarifado, com controle de Estoque;
  • Integração com Ativo Patrimonial;
  • Integração com Ponto Eletrônico.
  • Níveis de Hierarquia no Gerenciamento;
  • Live Update eletrônico de Novas Versões;
  • Funcionamento Simples e Eficiente em Rede;
  • Relacionamento de Dados;
  • Backup gerenciável de Banco de Dados;
  • Histórico completo acessível;
  • Geração de informações gerenciais proporcionando um importante diferencial competitivo;
  • Centralização e organização da informação a serem informadas ao GESP.

Gestão de Motéis

O módulo de gestão de Motéis conta com diversos recursos que vão ajudar o empreendedor na gestão eficiente do seu Motel.

  • Integrado ao Guia de Motéis;
  • Mapa de calor da ocupação dos quartos;
  • Agenda para reserva precisa de quartos;
  • Controle de estoque dos quartos;
  • Controle de estoque e movimentação da rouparia;
  • Controle de estoque da cozinha;
  • Controle de equipamentos;
  • Controle estoque do almoxarifado;
  • Emissão NFSE e NFE;
  • Controle financeiro com conciliação bancária, conciliação de cartões e fluxo de caixa;
  • Controle de compras, com demanda média prevista , autorização de fornecimento e importação de NFE de compra;
  • Integração com gestão fiscal , com confecção de SPEDS;
  • Integração com módulo de ponto e gestão de pessoal.
Compromisso com qualidade e resultados

Nossas redes

© 2023  Ladeira do Acupe,  104, Brotas , CEP 40.290-160 – Salvador-BA – Brasil

×